Viagem pela costa oeste: Seattle, Portland, San Francisco e Yosemite Park

Standard

Chegamos em Seattle a noite numa quarta-feira e os amigos do Mike foram buscar a gente no aeroporto. Eles moravam em Chicago e se mudaram pra Seattle uns 4 meses atrás, então ficamos na casa deles e fomos super bem recebidos. Demos uma andada pela vizinhança, tomamos uns drinks e fomos dormir. Nos dois dias seguintes nós dois passeamos pela cidade enquanto o casal tava trabalhando e encontramos com eles a noite pra jantar. Adorei essa cidade, ela tem um ar bem parecido com o Brasil, principalmente na área do famoso mercado público de lá. Frutas maravilhosas, bagunça de barracas de feira na rua, gente misturado com carros, bicicletas e motos. Nunca achei que fosse dizer isso, mas aai que saudade da bagunça de Maceió!

seattle 1  seattle 5
Fotos: Eu e Mike no Pike Place Market/ Nós dois com a Space Neddle  no fundo

Os dias foram super lindos, céu azul e ensolarado. Nada da famosa chuva se Seattle que normalmente só chega no inverno. Fomos no Pike Place Market, onde eu comi meu primeiro pêssego da vida e provavelmente vai ser o melhor de todos, que delícia! Almoçamos num quiosque de comida filipina e passeamos de caiaque do outro lado da baía. Foi muito legal!

seattle 7 seattle 9seattle 3
Fotos: Mike no Pier com a Roda Gigante ao fundo, nós andamos e foi lindo! / A rua do mercado público/ Nós dois na travessia pra o outro lado da baía.

No sábado de manhã, eu, Mike, Nikki e Ken pegamos a estrada pra Portland. Era pra ser só duas horinhas, acabou sendo três por causa do movimento da estrada. Chegamos na hora do almoço e encontramos com a Sarah, uma amiga nossa da Disney  que mora por lá e foi nos mostrar a cidade. De primeira já fomos comer as famosas VooDoo Doughnuts. Fora o fato dos nomes serem engraçados e pornográfico, não vi graça neles e preferia ter comido no Dunkin Donuts sem ter enfrentado uma hora de fila. Enfim…  de lá fomos pro centro da cidade, comemos pizza, fomos em uns 4 ou 5 bares, comemos tacos num carrinho mexicano, fomos na Powell’s books (a maior livraria independente do mundo), tentamos deixar nosso cadeado numa ponte #fail e voltamos pro hotel super tarde.

portland 2  portland 5

Fotos: Nós dois depois da tentativa falha de botar o cadeado na ponte/ Skippers taking it to two!

Aconteceu uma coisa super interessante em Portland. Eu estava atravessando uma rua, quando fui abordada por um ex-aluno meu de 7 anos atrás! É possível isso!? Um aluno de Maceió. Blz. De 7 anos atrás. Blz. Nos EUA. Blz. Em Portland?? É demais! Ele estava com um amigo americano, que nos parou na rua pra perguntar o que nós indicaríamos pra um brasileiro fazer por lá. Gente, o mundo é minúsculo!

portland 4

portland 8

Fotos: Nikki, Mike, Ken, estátua, eu e Sarah/ VLT de Portland, coisa mais linda de ver!

Saímos do hotel umas 5 da manhã pra ir pra o aeroporto. Chegamos em San Francisco mortos de cansados, fomos pro hostel, descansamos por umas 3 horas e saímos meio sem coragem. O tempo estava horrível, nublado, frio, com neblina.. não parecia nem verão. Pra completar, não nos organizamos direito, não listamos as coisas queríamos fazer e muito menos a ordem, então perdemos muito tempo rodando que nem barata tonta e olhando em mapa no centro turístico. Mas pelo menos isso foi bom, eles tem um baita centro turístico com atendimento individual, mapas, dicas, tudo de graça. É só chegar e entrar na fila. Depois disso fomos em Chinatown, Little Italy, almoçamos por lá num restante ótimo que até nos deu bruscheta de graça pq nosso prato tava demorando.

sf 1  sf 7
Fotos: Bodinho/ e prediozinhos fofos de SF

No outro dia fizemos San Francisco de cabo a rabo. A intenção era pegar o bondinho até o pier 39 e ir caminhando até a Golden Gate. Mas o danado quebrou 10 minutos depois e a gente desceu e foi andando do pier 1 até a ponte. Fizemos Fisherman’s Wharf, Pier 39, Fotos do Alcatraz (não conseguimos ir no tour até lá), e bike na Golden Gate, pra deixar nosso cadeado do amor. Depois voltamos pro hotel e estávamos exaustos. Foi um dia inteiro andando e pedalando.

Amei São Francisco e iria pra de novo agorinha! Só fiquei surpresa com tanta gente morando na rua, acho que desacostumei a ver mendigo!

No dia seguinte fomos buscar o carro alugado e dirigimos por 3 horas pra Yosemite, um parque nacional de 3 mil km² que recebe 3 milhões de visitantes por ano.

sf 4sf 2
Fotos: Nós e nossas bikes na Golden Gate/ Nós no Fisherman’s Wharf

Nós tínhamos reservado um camping fora de Yosemite, que furada ein?! Ficamos achando que íamos dirigir pra lá durante o dia, mas o troço era mais de 2 horas de distância. Acabamos entrando no parque e perguntando se tinha vaga em algum acampamento. Por sorte, tinha. As vagas do vale (parte mais popular do parque) acabam rapidinho, muitas vezes um ano antes (wtf??) então pegamos um cantinho em uma montanha e foi baratinho (cada camping tem um preço diferente). Eu nunca tinha acampado na vida e posso dizer que amei a experiência. Ter meu galeguinho cuidando de mim, fazendo fogueira, bancando o corajoso foi tão lindo (suspiros de amor! kkk). A gente acabou levando os dias no Yosemite muito light e fazendo o que a gente tava afim de fazer, não fomos nas coisas super turísticas (talvez por falta de organização, mas até que gostei), ficamos de boa descansando e respirando natureza. Caminhamos muito, vimos muita paisagem linda, muitos esquilos, coelhinhos e veados haha

yosemite 3 yosemite 6

yosemite 7yosemite 8
Fotos: Nós dois no Yosemite (meio da estrada)/ caminhada pra uma das cachoeiras/

Voltamos pra Oakland, ficamos por lá uma noite antes de embarcar de volta pra Chicago. Voltamos mortos de cansados na sexta-feira e descansamos sábado e parte do domingo, quando meu host novo foi me buscar na casa dele junto com minha kid mais velha e me trouxeram pra casa.

A viagem foi maravilhosa e graças a Deus não me fez enjoar desse meu namorado lindo. Muito pelo contrário, nos aproximou ainda mais 🙂

O resto fica pra o próximo post: A chegada na host family nova!

 

 

 

 

 

 

 

 

Advertisements

5 responses »

  1. Adorei muito seu blog. Encontrei ele na sexta em uma das minhas pesquisas sobre au pair e já li todo!!! Cada post, cada palavra. Parabéns pelo blog. . Me tirou muitas dúvidas e me encorajou. Continue postando que vou continuar acompanhando. Beijão!

  2. Meninaaaa, cadê você???
    Estou aqui ansiosa esperando pela nova host family e sua vida nela! hahahah
    Acompanho seu blog há um tempo, leio todos os posts, mas acabo não comentando.
    Apareça que estou querendo muito saber o que tá rolando por aí!

    Beijossss

  3. Pq vc parou de postarrrrrrrr?? Tava amando ler toda sua experiência, comecei de trás pra frente e li tudo em dois dias rsrs Hoje vou na palestra da Cultural Care dar início a essa jornada de au pair! Obrigada por dividir tudo aqui.. só me deu mais vontade de ir! 🙂

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s